Com Volante do XV de Piracicaba, Seleção FI da última rodada do PAULISTÃO tem heróis contra o rebaixamento

O técnico Luciano Quadros assumiu o Linense em situação delicada e deu conta do recado

A fase classificatória do Campeonato Paulista Onix Chevrolet chegou ao fim neste domingo. Bragantino e  Ituano se juntaram a São Paulo, Penapolense, Botafogo, Santos, Ponte Preta e Palmeiras nas quartas de finais, que serão realizadas no meio dessa semana. Já Atlético Sorocaba, Oeste e Comercial não conseguiram escapar do rebaixamento, se juntando ao lanterna Paulista na Série A2.
A Seleção do Portal Futebol Interior traz os melhores da 15ª rodada no ofensivo esquema 4-3-3, com apenas um volante (Adriano Ferreira). Na frente, ao lado de Romarinho, estão Magrão e Oliveira, heróis de Mogi Mirim e Linense, respectivamente. O treinador é Luciano Quadros, que manteve o Elefante da Noroeste na elite.

Nelson Lacerda: Cartola Lepo Lepo

Cara-de-pau: Nelson Lacerda (Comercial)

Dirigente Lepo-Lepo, prometeu pagar os jogadores antes da rodada final, mas deu mais um calote. Veio a público na última sexta-feira depois de desaparecer do clube e neste domingo.

Após o rebaixamento, disparou contra o elenco e disse que pagará apenas os atletas que jogaram bem. Que ele não pagou de propósito.

É picareta ou é honesto? O torcedor do Comercial é quem deve avaliar.

Artilheiro: Romarinho (Corinthians)
Para o Timão, o duelo deste domingo contra o Atlético Sorocaba não valia nada, mas pelo menos Romarinho fez as pazes com a torcida ao marcar três gols. Além disso, o atacante foi o responsável pelo rebaixamento do adversário para a Série A2 do Paulista.

Na saída do gramado, polêmica. Disse não ter se arrependido do que falou sobre o São Paulo ter entregado para o Ituano, mas assumiu que o Corinthians foi o responsável por sua eliminação.

Oliveira fez 2 gols em duas vitórias do Linense

Confira a Seleção FUTEBOL INTERIOR da 15.ª rodada do Paulistão ONIX CHEVROLET:

Aranha (Santos);

Robertinho (Bragantino), Tobi (Linense), Alemão (Ituano) e reinaldo (São Paulo);

Adriano Ferreira (XV de Piracicaba), Bady (São Bernardo) e Rondinelly (Portuguesa);

Romarinho (Corinthians), Oliveira (Linense) e Magrão (Mogi Mirim);

Técnico: Luciano Quadros (Linense)

Goleiro: Aranha (Santos)

Dá confiança para os torcedores e o restante do time. Contra o Palmeiras, Aranha foi um dos destaques da partida e fez duas grandes defesas. Na primeira, tocou com as pontas dos dedos a bola chutada no ângulo por Alan Kardec. Depois, saiu muito bem e impediu o gol de Bruno César. O gol do Verdão era uma bola defensável, mas o camisa 1 tem créditos de sobra por tudo que fez neste Paulistão.


Lateral-direito: Robertinho (Bragantino)

Tem sido muito importante para o esquema do técnico Marcelo Veiga, porque sabe muito bem revezar seu posicionamento entre o lado do campo e fazer a cobertura na frente da defesa. Ou seja, desempenha várias funções dentro de campo e do próprio jogo. No empate importante, que classificou o time para as quartas, ele fez o cruzamento em curva que acabou na finalização e gol de Tássio.

Zagueiro: Alemão (Ituano)
Grande herói da classificação do Ituano neste domingo. Fez um campeonato muito consistente, como principal pilar defensivo do Ituano durante todo o Paulistão. Por isto, teve a oportunidade de marcar o gol que garantiu o Galo nas quartas-de-final do torneio.

Zagueiro: Tobi (Linense)

Segurar o rápido ataque do Osasco Audax não é das missões mais fáceis, ainda mais em Osasco. Mas, neste domingo, Tobi foi um dos guerreiros em campo que ajudaram o Elefante a segurar as jogadas ofensivas, com isto, garantindo o time na elite paulista de 2015.

Reinaldo foi destaque do São Paulo em Ribeirão Preto

Lateral-esquerdo: Reinaldo (São Paulo)
Titular durante boa parte do Campeonato Brasileiro no ano passado, Reinaldo perdeu espaço com a chegada de Álvaro Pereira, mas teve a oportunidade de iniciar novamente uma partida como titular neste domingo e não decepcionou. Fez sua parte do lado esquerdo e contribuiu para o São Paulo vencer o Botafogo, por 2 a 0.

 

Volante: Adriano Ferreira (XV de Piracicaba)
Foi um gigante na despedia do Nhô Quim dentro do Paulistão. O time dirigido pelo prudente Edison Só confirmou sua força e que lhe deu a garantia de permanecer na elite do futebol de São Paulo por mais um ano. Adriano está cada vez mais maduro e, não só neste jogo, mostrou personalidade e comando para segurar ou soltar o time nas horas certas.

 

Meia: Rondinelly (Portuguesa)

Curiosamente ele só entrou em campo aos 24 minutos, quando a Lusa perdia para o Rio Claro, por 21 a 0, mas depois foi decisivo. Com muita categoria fez um passe de peito para que Gabriel Xavier marcasse o gol de empate. Depois, após jogada ensaiada de falta, recebeu de Gabriel Xavier e soltou a bomba de perna direita. Um golaço. E no terceiro gol foi esperto. Fez de conta que iria cruzar, mas mandou direto e o goleiro Cléber defendeu após a linha. Méritos para os auxiliares que viram bem o lance, depois confirmando penas inúmeras câmeras de televisão.

Meia: Bady (São Bernardo)
Um dos principais destaques do Campeonato Paulista, tanto que vem despertando o interesse de muitos clubes brasileiros e dificilmente permanecerá no Bernô para a sequência da temporada. E, contra o desesperado Oeste, mais uma vez fez a diferença, marcando dois gols. O maestro também organizou diversas jogadas ofensivas.

 

Atacante: Romarinho (Corinthians)

O Corinthians fez uma despedida honrosa do Paulistão. No Pacaembu, para 11 mil torcedores, venceu o Atlético Sorocaba, por 3 a 0, sem grandes dificuldades. Quem estava numa tarde inspirada era o atacante Romarinhoo, que foi o autor dos três gols da vitória.

Atacante: Magrão (Mogi Mirim)
Se tornou um dos principais responsáveis por manter o Mogi Mirim na elite do Paulistão. Nas últimas duas rodadas, marcou cinco gols, três deles contra a Ponte. Como sempre, mostrou oportunismo e bom posicionamento para consolidar a goleada que evitar a degola do Sapão. (Foto ao lado)

 

 

Atacante: Oliveira (Linense)
Além de Bruno Quadros, um dos principais responsáveis pela permanência do Linense na elite atende pelo nome de Oliveira. Neste domingo, contra o Osasco Audax, marcou o gol da vitória já no apagar das luzes.


Técnico – Luciano Quadros (Linense)

De repente, de mero desconhecido para heroi. É o que aconteceu com o auxiliar técnico do ex-técnico Bruno Quadros, liberado pela diretoria depois de acumular resultados negativos.

A bucha ficou em suas mãos, num momento delicada, em que o time passeou pela zona de rebaixamento ou ficou bem perto dali. Pois não é que nas duas últimas rodadas ele venceu, por 1 a 0, livrando o time da volta inesperada para a Série A2. Em casa bateu o Botafogo, por 1 a 0, e neste domingo fez 1 a 0 sobre o Grêmio Osasco.

Não se pode esquecer de outros nomes, como do corajoso Argel Fucks, que mudou a história de Portuguesa 4 x 3 Rio Claro com uma simples alteração logo aos 24 minutos do primeiro tempo. Ele colocou em campo Rondinelly, que deu passe parao gol de empate e marcou dois gols da virada.

Méritos também pra Osvaldo de OLiveira, que antes do clássico avisou que o “Santos sempre joga para vencer” e foi o que aconteceu na Vila Belmiro, na vitória sobre o Palmeiras, por 2 a 1, no clássico. O resultado deixou o Peixe com a melhor campanha na fase classificatória e com vantagem de resultados até o final da competição.

Fonte: Futebol Interior

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s